Paulinha reafirma posicionamento sobre projeto da vacina e prega respeito e democracia

0
482

Ainda rende o caloroso debate travado no Plenário da Assembleia Legislativa de Santa Catarina a respeito do projeto de lei (PL) do deputado Jessé Lopes (PSL) que tratava da obrigatoriedade da vacinação contra a Covid-19 no estado, na sessão da tarde desta terça-feira (22).

A deputada Paulinha (sem partido) defendeu o arquivamento do projeto e deixou claro o seu posicionamento novamente em suas redes sociais ao comentar que a palavra de ordem é liberdade e respeito à democracia.

“Quem exige para si tem que aprender a respeitar a escolha do próximo também. É a premissa da democracia, que não podemos abrir mão de jeito nenhum”, disse a parlamentar, que ao defender o seu posicionamento em Plenário afirmou que não existe obrigatoriedade do passaporte vacinal. “Não podemos, de outra sorte, outro cidadão, que tem seu comércio, ser obrigado a receber pessoas que divirjam da sua opinião.”

Com parecer contrário da CCJ, o PL 362/2020, que dispunha sobre a proibição da vacinação compulsória contra a Covid-19, com vacina desprovida de comprovação científica reconhecida pelo Ministério da Saúde e certificada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em Santa Catarina, será arquivado.

Valquiria Guimarães
Assessoria de Comunicação
Deputada Paulinha
048991047676

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui